viva-bicho-81

Viva Bicho

viva-bicho

Viva Bicho

Publicidade Posts

tmw-telecom

TMW Telecom

Comissão da Cosip é rejeitada por 5 votos a 3 na sessão ordinária desta segunda-feira (2)

Segunda Comissão que iria investigar mais detalhes sobre o custeio da Cosip é barrada e situação apresenta realização de uma audiência pública com a presença do prefeito Sérgio Cunha (PSD).

Comissão da Cosip é rejeitada por 5 votos a 3 na sessão ordinária desta segunda-feira (2)
CEI é barrada por cinco votos a três. (Frame: Canal da Câmara no Youtube)

A maioria dos vereadores rejeitou a abertura de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) para investigar possíveis irregularidades no Serviço de Iluminação Pública (Cosip) de Garopaba, na sessão ordinária desta segunda-feira (2). A solicitação da abertura desta comissão foi dos vereadores Jorge Augusto da Silva Chaves, Junior de Abreu e Targino H. de Souza, todos do PP.

Votaram contra os vereadores Sérgio Luiz Gonçalves e Luiz Bernardo, ambos do MDB, Luizinho Campos (PSB) e Tatiane Rosa Ávila Pacheco e Sidney de Souza, da bancada pessedista. Os propositores da abertura da CEI votaram a favor tendo apoio da presidente da Casa de Leis, Micheline A. de Araújo Luiz. No entanto, a presidente só votaria em caso de empate.

A iniciativa da abertura desta comissão se deu após os trabalhos da Comissão de Fiscalização que trouxe poucos resultados, segundo a presidência e relatoria, respectivamente representada pelos vereadores Junior de  Abreu Bento e Jorge Augusto da Silva Chaves. Além disso, nos trabalhos anteriores os vereadores poderiam apenas convidar representantes do Executivo para prestarem esclarecimentos, já na CEI os edis poderiam convocar.

Na sessão desta segunda, bem como na sessão anterior, realizada no dia 27 de agosto, a situação havia apresentado notas fiscais que, segundo os edis, comprovam que a empresa Energiluz, contratada pelo Executivo para manutenção da iluminação pública, teria recolhido o Imposto Sobre Serviços (ISS) em Garopaba. Fato, até então, questionado na comissão de fiscalização.

Durante discussão, antes da votação, a vereadora Tatiane Rosa A. Pacheco comentou que alguns orçamentos, feitos por ela e pelo vereador Luizinho Campos, se equiparam ao valor das lâmpadas orçadas e compradas pelo Executivo, um dos objetos da investigação da Comissão de Fiscalização que apontou possível superfaturamento.

Ainda na sessão desta segunda, a situação apresentou um ofício informando a realização de uma audiência pública que será realizada no próximo dia 13. O encontro, que será realizado no Salão da Igreja Matriz, no Centro, contará com a presença do prefeito Sérgio Cunha (PSD) que prestará esclarecimento sobre notas fiscais, empenhos e ordens de pagamentos realizadas pela Cosip.  

Publicidade Posts

Publicidade Posts

Compartilhe isso
Comentários

Olá, deixe seu comentário para Comissão da Cosip é rejeitada por 5 votos a 3 na sessão ordinária desta segunda-feira (2)

Já temos 1 comentário(s). DEIXE O SEU :)
Mauro Lesl

Mauro Lesl

Vergonha
Vamos ficar atento nas próximas eleições
★★★★★DIA 04.09.19 19h49RESPONDER
N/A
Enviando Comentário Fechar :/
Enviando Comentário Fechar :/