quermesse-garopaba

Quermesse Garopaba

viva-bicho-81

Viva Bicho

viva-bicho

Viva Bicho

Publicidade Posts

tmw-telecom

TMW Telecom

Trabalho de artista registra o passado, marca o presente e preserva o futuro nas ruas de Garopaba

Pela segunda vez artista plástica apaixonada por Garopaba usa sua arte para homenagear a cidade. Desta vez formou uma trilogia unindo flores, poesias e a inclusão de crianças com a arte. Trabalho está espalhado pelas ruas do Centro Histórico. 

Trabalho de artista registra o passado, marca o presente e preserva o futuro nas ruas de Garopaba
"Garopaba, vejo flores em você", teve primeiros trabalhos publicados no Centro Histórico (Foto: Divulgação)

Mais uma vez a artista plástica Thaís Helena Guidolin Miguel presenteou Garopaba com seu trabalho. Assim como o fez no verão de 2018 a paulistana teve novamente  agora inspiração nas ruas do Centro Histórico e no povo da cidade para desenvolver o atual trabalho "Garopaba, vejo flores em você". A atividade teve início ao longo de 2018 e findada nesta temporada de verão.

O título do trabalho faz um elo entre a pequena vila de pescadores e a música "flores em você" da banda brasileira Ira, que marcou gerações. Além disso, desta vez, o trabalho artístico ganhou mais elementos: crianças, rosas e poesias.

Sim. Crianças integraram o desenvolvimento deste trabalho que, além de espalhar a leveza e o encanto das poesias, enfeitou casas históricas e centenárias do Centro Histórico com rosas. Os adereços feitos, um a um, em porcelana foram desenvolvidos por Thaís durante o inverno passado e as ilustrações dos azulejos foram feitas pelas crianças da Escola Nova do Ambrósio.

O convite para participar do projeto foi feito pela artista à instituição, que prontamente aceitou o mesmo. A seleção dos trabalhos foi feita pela própria artista e contou com o apoio da direção da escola. Os alunos de seis anos tiveram a missão de desenhar sobre flores. O resultado dos trabalhos foram gravuras que ilustram a sinceridade das crianças sobre o que elas pensam e ao mesmo tempo um registro que irá marcar para sempre nas paredes das casas antigas, onde tudo começou. Fazendo uma ligação entre o passado, presente e futuro.

Como se não bastasse, cada parede recebe o acompanhamento das rosas e de poesias de Fernando Pessoa, Manuel de Barros, Clarice Lispector, entre outros autores, além de citações de cunho da artista, formando o que ela chama de trilogia poética.

Sonia Carlsem, diretora da Escola, menciona que a primeira ideia era que a artista produzisse uma peça para presentear o prefeito dos Açores, em Portugal, em uma viagem que alguns alunos da escola irão fazer. Entretanto, acharam que só uma peça não seria capaz de demonstrar tamanha sintonia que o trabalho da artista com a colaboração das crianças iria ter.  "E o resultado foi esse que as pessoas podem observar nas ruas da cidade. Aqui relato ainda um amor fraternal que surgiu desde a primeira palavra que tive com a Thaís.  É o amor que nos move. Ele é considerado a energia mais poderosa deste universo, acredite! Enfim, é a finalidade maior de toda nossa existência." Revela a docente.

Thaís tem uma ligação muito forte com Garopaba. Seus pais, Daniel Miguel e Isabel Guidolin Miguel, foram um dos primeiros paulistas a descobrirem o pequeno vilarejo. Desde então, por terem se apaixonado pela vila, fizeram inúmeras viagens ao Litoral durante as férias. Hoje, Daniel e Isabel, trocaram as longas viagens por longa hospedagem em Garopaba, onde curtem a aposentadoria. Como eles foram sempre muito bem recebidos, criando laços de amizades de anos com muitos, Thaís queria retribuir todo esse carinho e usou da sua arte e de sua escrita trazendo a história de vários destes nativos para a mais nobre das galerias: as ruas de Garopaba.

Essa oportunidade de expor ao ar livre encanta não só os moradores, mas também os milhares de turistas que visitam Garopaba.  A publicitária Eliane Cruz visita a cidade há mais de uma década. Ela tem seu ponto de hospedagem no Centro Histórico e conheceu o trabalho de Thaís no verão de 2018. Neste ano, ao retornar a cidade, quis conhecer a artista. Ela Garimpou, de casa em casa, até encontrar informações sobre a mesma. Eliane teve a oportunidade de conhecer Thaís e comprar alguns azulejos para levar um pouco de Garopaba a Pelotas, cidade gaúcha onde reside. "Fiquei completamente encantada com a sensibilidade, com a beleza, com a generosidade de ter a arte a céu aberto", depõe a publicitária que teve, ao final, a oportunidade de acompanhar Thaís na instalação de novos azulejos.

A ideia da artista é espalhar rosas e arte por mais lugares da cidade em outras temporadas. "Eu quis começar pelo centrinho porque tenho, desde guria, uma ligação afetiva muito grande com este lugar, com a igrejinha, com sua escadaria...Vinda de São Paulo, ainda menina e adolescente, eu já gostava da coisa mágica, nostálgica que via ali e de lá estar com minhas amigas do coração, como ainda curto muito hoje fazer." revela Thaís, que finaliza dizendo: "Adoraria ver Garopaba permeada com a inocência de mais desenhos infantis e com a delicadeza de rosas e de poemas porque, para mim, Garopaba é exatamente assim, um desabrochar de pura poesia."

Acesse aqui mais trabalhos da artista.

  • Trabalho de artista registra o passado, marca o presente e preserva o futuro nas ruas de Garopaba - Foto 1
  • Trabalho de artista registra o passado, marca o presente e preserva o futuro nas ruas de Garopaba - Foto 2
  • Trabalho de artista registra o passado, marca o presente e preserva o futuro nas ruas de Garopaba - Foto 3
  • Trabalho de artista registra o passado, marca o presente e preserva o futuro nas ruas de Garopaba - Foto 4
  • Trabalho de artista registra o passado, marca o presente e preserva o futuro nas ruas de Garopaba - Foto 5
  • Trabalho de artista registra o passado, marca o presente e preserva o futuro nas ruas de Garopaba - Foto 6
  • Trabalho de artista registra o passado, marca o presente e preserva o futuro nas ruas de Garopaba - Foto 7

Publicidade Posts

Publicidade Posts

Compartilhe isso
Comentários

Olá, deixe seu comentário para Trabalho de artista registra o passado, marca o presente e preserva o futuro nas ruas de Garopaba

Já temos 4 comentário(s). DEIXE O SEU :)
Rafael Beltrame

Rafael Beltrame

Só poderia ser a Thais, levando beleza, arte e cultura para a nossa linda Garopaba, me orgulho de ser amigo de pessoas como a Thais que fazem o bem, sem verem a quem.

Parabéns pela atitude Thais, quem ganha o presente somos nós
★★★★★DIA 27.04.19 13h43RESPONDER
N/A
Enviando Comentário Fechar :/
Sandro Meneses

Sandro Meneses

Sentimento; carinho ; luz transformado em arte ! Parabéns minha amada querida ; haa tenho a honra de ter uma de suas peças feitas para mim ... Gratidão
★★★★★DIA 25.04.19 15h43RESPONDER
N/A
Enviando Comentário Fechar :/
Márcia Hernandes

Márcia Hernandes

A cidade é linda e foi muito bacana essa união da artista plástica com a cidade q sei q ela ama! Parabéns a ambos!
★★★★★DIA 25.04.19 15h37RESPONDER
N/A
Enviando Comentário Fechar :/
Greg Ouzounian

Greg Ouzounian

Fantastico!
★★★★★DIA 25.04.19 15h30RESPONDER
N/A
Enviando Comentário Fechar :/
Enviando Comentário Fechar :/