viva-bicho-81

Viva Bicho

viva-bicho

Viva Bicho

Publicidade Posts

tmw-telecom

TMW Telecom

Polícia Rodoviária contabiliza 829 acidentes e 32 mortes na SC 434, em dez anos

No Giro de Notícias desta semana: Estatística da Polícia rodoviária assusta quanto ao número de acidentes, vítimas e mortes na SC 434: entre 2005 e 2010 foram registrados 317 acidentes e 18 mortes. Ainda sobre a SC, Estado deve lançar nas próximas semanas edital de licitação para obras de melhorias na via. R$ 3,3 milhões serão investidos. Fim da ADR de Laguna fará falta apenas ao políticos que lá estão alocados. E ainda, BNDES autoriza R$ 723 milhões ao Estado, mas não há previsão do recurso destinado ao Fundam 2 ser liberado. Garopaba pleiteia verba para pavimentar mais um trecho do Acesso Norte.

Polícia Rodoviária contabiliza 829 acidentes e 32 mortes na SC 434, em dez anos
SC 434 tem centenas de pontos que precisam de manutenção. |Foto: Ailton Rodrigues

Estatísticas: SC 434

A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) divulgou recentemente os dados estatísticos da rodovia SC 434, no ano de 2017. Ao todo foram registrados 37 acidentes, resultando em 38 pessoas feridas e uma morta. No ano passado, 72 veículos se envolveram em acidentes no trecho 15 quilômetros da via. Inaugurada em 1986, as ocorrências só começaram a ser registradas pela PMRv em 1997, 11 anos depois. Os trágicos números apontam que 829 acidentes foram registrados na via, vitimando 726 pessoas e deixando 32 mortas. Num curto período, entre 2005 e 2010, 18 pessoas perderam a vida na SC 434. 2015 foi um dos anos mais violentos da rodovia com 81 acidentes, deixando 65 pessoas feridas e duas vítimas fatais.

Melhorias

Nas próximas semanas o governador do Estado em exercício, Eduardo Pinho Moreira, do MDB, deve vir a Garopaba lançar edital de licitação das obras de melhorias da SC 434. A Informação é do secretario de Estado da Infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro, também do MDB. O Executivo estadual irá liberar pouco mais de R$ 3,3 milhões para construção de uma ciclofaixa ou ciclovia, duas rótulas e um trevo alemão, além de melhorias na pavimentação asfáltica, em alguns trechos, e na sinalização da rodovia.

Fundam 2

Com capacidade de investimentos de apenas 5% da arrecadação total é cada vez mais difícil os municípios catarinenses concretizarem obras sem as parcerias dos governos estadual e federal. Com esse cenário, no momento, todos os prefeitos estão de olho na liberação dos recursos do Fundam 2. Segundo o governador do Estado em exercício, Eduardo Pinho Moreira, do MDB, o BNDES já autorizou R$ 723 milhões. No entanto, não há previsão desse aporte, que boa parte será usado para obras estruturais, chegar ao Estado. Enquanto o dinheiro não chega Moreira já planeja a distribuição dos recursos. Segundo o atual chefe do Executivo, a metade, R$ 360, acrescida de R$ 180 milhões, serão repassados aos municípios com menos de 10 mil habitantes.

Acesso Norte

Segundo o vice-prefeito Nilton Raupp, do MDB, e confirmado pelo prefeito Sérgio Cunha, do PSD, o município de Garopaba pleiteia recursos do Fundam 2 para a pavimentação de mais um trecho da GRP 010 – Acesso Norte. A via já teve o primeiro trecho de aproximadamente cinco quilômetros pavimentado com recursos de um empréstimo feito junto ao Badesc. Agora, os gestores aguardam ansiosos a liberação do fundo para dar continuidade ao trecho que liga o Centro do município a BR 101. “Estamos no aguardo, acompanhado de perto tudo que está acontecendo no governo”, disse Sérgio Cunha.

ADR’s

Com a promessa de economizar mais de R$ 50 milhões o governo do Estado decidiu extinguir 15 Agências de Desenvolvimento Regional (ADR’s) e quatro Secretarias Executivas. Essa foi uma das primeiras ações de Eduardo Pinho Moreira, do MDB, após assumir interinamente o Executivo estadual. Ironia ou não do destino ficou a cargo do partido que criou, aos poucos, destituir as agências, que no princípio se chamavam secretarias. Uma das unidades fechadas é a de Laguna, que representava o governo do Estado nos municípios de Paulo Lopes, Garopaba, Imbituba, Imaruí e Pescaria Brava. Pouco usada, diga-se de passagem, pelos políticos da região, que muito precisavam ir a Florianópolis quando assim necessitavam resolver suas demandas com o Executivo Estadual. A falta será apenas aqueles que lá estão alocados. Com a economia, Moreira promete concentrar recursos nas áreas da Saúde e Segurança Pública. 

Leia também: 

Este é um espaço público de debate de ideias. O Notícias In Foco não se responsabiliza pelos artigos e comentários aqui colocados pelos autores da coluna. O conteúdo dos artigos é de única e exclusiva responsabilidade de seus respectivos autores.
Compartilhe isso
Comentários

Olá, deixe seu comentário para Polícia Rodoviária contabiliza 829 acidentes e 32 mortes na SC 434, em dez anos

Enviando Comentário Fechar :/